Inicio > Mis eListas > humboldt > Mensajes

 Índice de Mensajes 
 Mensajes 12981 al 13000 
AsuntoAutor
766/11 - Los talib Noticias
767/11 - As novas Noticias
768/11 - O que os Noticias
769/11 - Chile - E Noticias
770/11 - Nuevo tie Noticias
771/11 - Chile - H Noticias
772/11 - Giovane, Noticias
773/11 - Chile - H Noticias
774/11 - Taliban e Noticias
775/11 - Pasajeros Noticias
776/11 - El nuevo Noticias
777/11 - O Context Noticias
778/11 - MOVIMIENT Noticias
779/11 - Buenos Ai Noticias
780/11 - "Decir qu Noticias
781/11 - Pasajeros Noticias
782/11 - España - Noticias
783/11 - As transf Noticias
784/11 - Pasajeros Noticias
785/11 - Os desafi Noticias
 << 20 ant. | 20 sig. >>
 
Noticias del Cehu
Página principal    Mensajes | Enviar Mensaje | Ficheros | Datos | Encuestas | Eventos | Mis Preferencias

Mostrando mensaje 13267     < Anterior | Siguiente >
Responder a este mensaje
Asunto:NoticiasdelCeHu 777/11 - O Contexto e o Cotidiano do Trabalho Educativo em Geografia
Fecha:Domingo, 17 de Julio, 2011  11:24:45 (-0300)
Autor:Noticias del CeHu <noticias @..............org>

NCeHu 777/11
 
“O Contexto e o Cotidiano do Trabalho Educativo em Geografia”

Juiz de Fora/MG de 12 a 15 de Novembro de 2011

 

 

ORGANIZAÇÃO/REALIZAÇÃO

ASSOCIAÇÃO DOS GEÓGRAFOS BRASILEIROS – AGB

Apoio:

Universidade Federal de Juiz de Fora - UFJF

 

 

VII ENCONTRO NACIONAL DE ENSINO DE GEOGRAFIA:

FALA PROFESSOR

1ª CIRCULAR




APRESENTAÇÃO

 

Desde o I FALA PROFESSOR ocorrido em 1987 em Brasília a AGB - Associação dos Geógrafos Brasileiros vem promovendo o encontro desta categoria profissional que em sua sétima edição, pretende resgatar a presença e a fala do PROFESSOR no encontro.

A AGB deve buscar a reaproximação com o professorado da educação básica, consolidando assim um espaço de crítica, análise, avaliação e registro histórico contemporâneo das práticas educacionais para construção de encaminhamentos de intervenção futura.

Por que é importante que o PROFESSOR FALE? Por entendemos o tempo e o espaço contemporâneos da realidade brasileira como extremamente complexos no cotidiano da prática dos professores em sala de aula, nos espaços alternativos e na multiplicidades de teorias e práticas do ensino-apredizagem.

 Para além do professor de Geografia, a educação vive hoje um momento de desafios diante da realidade brasileira. O Brasil enfrenta problemas na condução de uma política educacional que não contempla a velocidade  de sua urbanização, crescimento econômico e, principalmente, o desafio de lidar com um dos sistemas de educação mais precarizados do mundo.

Assim,  o VII FALA PROFESSOR assume a responsabilidade de organizar um espaço de reflexão política e social sobre  o contexto, as dificuldades e as lutas do professor brasileiro na atualidade.

Organizado pelo coletivo das seções locais da AGB em nível nacional e sediado na cidade de Juiz de Fora - Minas Gerais, o VII FALA PROFESSOR terá grande importância para a seção sede. Nesta oportunidade, a AGB Juiz de Fora  comemorará um ano de sua re-fundação ocorrida em 2010.

 

PRINCÍPIO DE CONSTRUÇÃO DO ENCONTRO.

 

O princípio “suleador” do VII Fala Professor, é o professor enquanto protagonista, construtor e sujeito ativo do encontro. A horizontalidade é um dos princípios que quebram a atual estrutura hierárquica que separa especialistas em educação (que falam), dos professores viventes do cotidiano da escola e da educação (que ouvem), a partir deste princípio, o professor “Fala”, constrói, dialoga, expõe suas práticas e aponta ações futuras. Outro princípio é a construção do encontro fundamentada nos GT`s (Grupos de Trabalho) que estabelecerá a ponte entre AGB e professores, materializando o trabalho de base no espaço escola e demais espaços de ensino e fomentará as práticas futuras “suleadas” pelos encaminhamentos políticos. A Autonomia da AGB (Associação dos Geógrafos Brasileiros) na construção do encontro é um princípio que materializa a independência da Associação para construir um encontro que fuja da lógica produtivista, academicista, mercadológica e financeira presentes nos atuais encontros. A acessibilidade é tomada como princípio deste encontro que não visa angariar fundo e está voltado para que professores e participantes tenham o menor custo possível. A articulação com sindicatos, movimentos sociais e coletivos, a ampliação da participação dos professores da Educação Básica são princípios da construção que visam a horizontalidade. Por fim, as ações e as atividades vivenciadas não se encerram no encontro, pois este, como princípio, será um espaço de construção política e de encaminhamentos que se desdobrarão pós-encontro.

 

EMENTA DO TEMÁRIO DO ENCONTRO.                  

 

- Geografia e as atuais políticas públicas educacionais: PNE, currículos oficiais, parâmetros e diretrizes curriculares e sistemas de avaliação de desempenho.

 - Ensino, formação e o trabalho educativo: inclusão e diferentes contextos.

 - O contexto e o cotidiano do professor de geografia como profissional e trabalhador: função docente, valorização da profissão e precarização do trabalho.

 - Experiências, conhecimentos e práticas educativas em geografia.

 

 

OBJETIVOS

 

De acordo com a necessidade de ousar na proposta de organização buscamos construir um Encontro com identidade própria, reforçando o caráter de reflexão na busca de encaminhamentos políticos e intervenções através de Grupos de Trabalho articulados com coletivos, sindicatos e/ou grupos de qualquer natureza, que se identifiquem com a educação em Geografia nos seus diferentes contextos.

 As reflexões e os encaminhamentos devem guiar-se pela horizontalidade do debate, nesse sentido, a estrutura organizativa do atual Encontro será constituída principalmente por espaços de Grupos de Trabalho (GTS), Relatos de Experiências (RES) e Plenárias, priorizando assim, formas organizativas coerentes com esta nova concepção.

O Fala Professor, apesar de sua centralidade na Educação em Geografia, também deve buscar a transversalidade do debate, entendendo as transformações no/do contexto e cotidiano do professor em áreas afins e relacionando-as com as implicações do mundo do trabalho na educação de maneira geral.

Sendo assim, o Fala-Professor não se propõe como um Encontro que se fecha em si, mas que se desdobra em reflexões e intervenções, alimentando a pauta de atuação das AGB´s acerca do temário da educação em suas diferentes escalas.

                               

PÚBLICO ALVO

 

O Encontro é destinado a todos os professores, pesquisadores, estudantes e coletivos que se identifiquem com as questões da educação.

 

 

CONDIÇÕES ESTRUTURANTES

 

Localizado na Zona Oeste de Juiz de Fora, a cerca de 10 minutos do centro da cidade, o Campus da Universidade Federal de Juiz de Fora é marcado pela presença de grande área verde. Duas vias principais ligam o centro ao Campus: Av. Independência que liga o centro ao pórtico Sul da UFJF (no bairro Dom Bosco) e Rua José Lourenço Kelmer localizada no Bairro São Pedro onde se encontra o pórtico Norte da UFJF.

O VII Fala Professor ocorrerá nas novas dependências do Instituto de Ciências Humanas (ICH) da Universidade Federal de Juiz de Fora. Esse espaço composto por três blocos abriga diversas salas e três anfiteatros. A idéia é de concentrar todo o evento no ICH para evitar ao máximo a dispersão dando ao evento um caráter de encontro, ao invés de desencontro. Grande parte das salas contará com projetores que poderão ser utilizados durante as atividades.

Na busca de manter o compromisso com o principio da acessibilidade ao encontro, a AGB-JF vem trabalhando para garantir refeição (almoço e janta) no Restaurante Universitário (RU) durante todos os dias do evento. Na linha do mesmo princípio, encontra-se a tentativa de garantir alojamento para os encontristas. A prioridade é oferecer o alojamento dentro ou nas proximidades do Campus da UFJF.

Ainda no que diz respeito à hospedagem e alimentação, a cidade de Juiz de Fora conta com diversas opções de hotéis, pousadas, pensões, restaurantes, cantinas e lanchonetes, alguns desses serviços sendo oferecidos também nas proximidades do Campus Universitário.

 

 

 

 

 

PROGRAMAÇÃO

11/Nov

12/Nov

13/Nov

14/Nov

15/Nov

Sexta

Sábado

Domingo

Segunda

Terça

 

Credenciamento CINEGEO

Relato de Exp.

Relato de Exp.

Plenária. Final

Almoço

Almoço

Almoço

Almoço

GTs

GTs

Sistematização dos GTs

 

Oficinas e cursos

 

Jantar

Jantar

Jantar

Credenciamento

Abertura

Oficinas/Mini-cursos

Plenária dos GTs

 

 

 














GRUPO DE TRABALHO (GT):

 

Os grupos de trabalho têm como objetivo fortalecer o trabalho permanente e atuação política das Seções Locais da AGB, debates e as atitudes demandadas pela sociedade, incentivando e promovendo a manifestação coletiva sobre as questões da sociedade.

No encontro os GTs pretendem agregar geógrafos (estudantes, professores e técnicos), não geógrafos e outros segmentos da sociedade civil, cujo objetivo principal é pensar e repensar ações e intervenções na sociedade.

Os Grupos de Trabalho a serem propostos devem ser resultados de acúmulos de discussões, ações e intervenções, de cada Seção Local.

As inscrições dos GTs serão realizadas pelas Seções Locais, onde cada Seção poderá propor GTs de acordo com suas demandas, desde que aprovados em suas respectivas assembléias. Na ausência de GTs que não atendam a demanda de seus associados, estes poderão propô-los através de outras seções locais. As propostas dos GTs devem estar englobadas em uma das áreas gerais do evento. 

Os GTs deverão apresentar Relatório Final de suas atividades na plenária dos GTs do VII Fala Professor indicando as propostas de ações a serem avaliadas e aprovadas na Plenária Final.

 

OFICINAS E MINI CURSOS:


As oficinas e mini cursos são espaços onde são oferecidas atividades práticas e/ou teóricas que proporcionam novos conhecimentos e vivências, e o contato com os mais diversos profissionais da geografia e áreas afins. Tem como principal objetivo promover a troca de experiência entre as pessoas e as organizações envolvidas.

As inscrições das propostas de oficinas serão feitas entre os dias 30 de Setembro e 15 de Outubro pela página eletrônica. Já as inscrições dos participantes serão feitas no local do encontro

 

RELATOS DE EXPERIÊNCIAS (RES):

 

É um espaço destinado ao encontro de professores a partir de experiências coletivas e/ou individuais a fim de exercitar a troca entre as práticas nos mais variáveis espaços onde estão inseridos

As inscrições serão feitas on-line a partir dos eixos pré-estabelecidos. Será emitido apenas um certificado com a descrição do total de horas e, no verso a grade do evento, para todos os inscritos.

 

 

PRAZOS

 - As inscrições serão feitas entre os dias 1 de agosto até 31 de outubro de 2011 pela página eletrônica. Após esse prazo as inscrições deverão ser feitas no encontro.

- As inscrições nos Grupos de Trabalho e nos Relatos de Experiências serão de 1 de agosto até 31 de outubro, pela página eletrônica.

- O prazo para proposição de oficinas e mini cursos será até 30 de setembro. O aceite das proposições será divulgado dia 15 de outubro pela página eletrônica.

 



Saudações
att
Comunicação AGB Juiz de Fora







BeRuby te regala un euro!
- SOLO PARA ESPAÑA - En BeRuby puedes ganar dinero haciendo lo que ya haces en la red
beruby